Especialização

ATENÇÃO:

Informamos que, devido a um processo de reformulação do curso de Especialização em Educação Musical, não haverá oferecimento de novas turmas até 2014. Você poderá acompanhar neste site as atualizações e a publicação do edital de seleção assim que houver novo oferecimento.

 


 

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO
ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO MUSICAL

Nosso Objetivo: aprimorar e atualizar os conhecimentos dos profissionais que atuam nas áreas de educação, música ou artes, integrando prática e reflexão, capacitando-os para intervir de maneira transformadora e sensível na realidade de seus ambientes de trabalho.

Informações Acadêmicas
Informações Administrativas 
Destaques

Curso oferecido nas férias
Saiba mais

Processo Seletivo 2008
Inscrições de 09 a 16/12/08
Pelo site da FUNDEP:
http://www.fundep.br/cursos

Relação de aprovados

LINKS:

   
FUMP – Fundação Mendes Pimentel
www.fump.ufmg.br

Pró-Reitoria de Pós-Graduaçã
www.prpg.ufmg.br

Correio Eletrônico
www.minha.ufmg.br

 

 Av. Antônio Carlos, 6627 – Pampulha – BH/MG
Fone: (31)3409-4703 - Fax: (31)3409-4720 – email: espec@musica.ufmg.br

 

 

APRESENTAÇÃO

O Curso de Especialização em Música na área de concentração em Educação Musical foi criado em 1984. Em seu formato atual, visa atender profissionais que atuam nas áreas de educação, música ou artes e que desejam atualizar seus conhecimentos na área de ensino de música. No curso são trabalhados princípios de Regência-Coral e de Técnica Vocal, Expressão Corporal, Iniciação à Pesquisa, Percepção Musical, exercícios de Apreciação ligados a propostas de Criação. Materiais pedagógicos são desenvolvidos em oficinas específicas, a partir da discussão de textos dos principais educadores da atualidade.  Nossa proposta de reflexão considera de fundamental importância a adequação das estratégias pedagógicas ao real contexto de cada educador.

voltar ao topo

ESTRUTURA CURRICULAR

DISCIPLINAS

CORPO  DOCENTE

NOME

CH

CR

CLAS

NOME

DEPT°/UNID.

TITULAÇÃO MAIS ELEVADA

TÍTULO

INSTITUIÇÃO/PAÍS

 

Metodologia da Educação Musical I

15

01

OB

Walênia Marília Silva

TGM/EM

Doutora

University of Illinoisat Urbana

 

Metodologia da Educação Musical II

30

02

OB

Jussara Rodrigues Fernandino

TGM/EM

Mestre

Escola de Belas Artes UFMG

 

Oficina Pedagógica I

 

30

 

02

 

OB

Maria Cecília Cavalieri França

TGM/EM

Doutora

University of London – Institute of Education/Inglaterra

 

Oficina Pedagógica II

15

01

OB

Maria Cecília Cavalieri França

TGM/EM

Doutora

University of London – Institute of Education/Inglaterra

 

Oficina Pedagógica III

15

01

OB

Maria Cecília Cavalieri França

TGM/EM

Doutora

University of London – Institute of Education/Inglaterra

 

Apreciação-Criação Musical I

30

02

OB

Cecília Nazaré de Lima

TGM/EM

Mestre

Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP

 

Apreciação-Criação Musical II

15

01

OB

Cecília Nazaré de Lima

TGM/EM

Mestre

Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP

 

Apreciação-Criação Musical III

30

02

OB

Eduardo Campolina Viana Loureiro

TGM/EM

Mestre

Faculdade de Educação/UFMG

 

Apreciação-Criação Musical IV

15

01

OB

Eduardo Campolina Viana Loureiro

TGM/EM

Mestre

Faculdade de Educação/UFMG

 

Princípios de Regência Coral I

30

02

OB

Maria do Carmo Souza Campara

Aposentada/EM

Especialista

Escola de Música -UFMG

 

Princípios de Regência Coral II

15

01

OB

Maria do Carmo Souza Campara

Aposentada/EM

Especialista

Escola de Música -UFMG

 

Técnica Vocal I

15

01

OB

Maria do Carmo Souza Campara

Aposentada/EM

Especialista

Escola de Música -UFMG

 

Técnica Vocal II

15

01

OB

Maria do Carmo Souza Campara

Aposentada/EM

Especialista

Escola de Música -UFMG

 

Iniciação à Pesquisa I

15

01

OB

Maria Cecília Cavalieri França

TGM/EM

Doutora

University of London – Institute of Education/Inglaterra

 

Iniciação à Pesquisa II

15

01

OB

Maria Cecília Cavalieri França

TGM/EM

Doutora

University of London – Institute of Education/Inglaterra

 

Expressão Corporal

15

01

OB

Jussara Rodrigues Fernandino

TGM/EM

Mestre

Escola de Belas Artes - UFMG

 

Seminários

45

03

OB

Walênia Marília Silva

TGM/EM

Doutora

University of Illinoisat Urbana

 

 

voltar ao topo

Ementas

Apreciação e Criação Musical I e II
Escuta orientada de obras musicais do repertório popular/erudito. Sensibilização aos parâmetros básicos do som, iniciação aos princípios de estruturação da linguagem musical. Elaboração de trabalhos de criação baseados em processos estudados durante as atividades de apreciação.

Metodologia da Educação Musical I
Principais contribuições didático/metodológicas para a educação musical: os precursores dos séculos XVIII e XIX; análise crítica dos expoentes da primeira metade do século XX; concepções a partir de 1960; panorama da educação musical no Brasil; análise comparativa de propostas didáticas diferenciadas.

 Metodologia da Educação Musical II
Contribuições de doutrinas pedagógicas marcantes para o repensar da didática e da prática no contexto da sala de aula. O ensino da música e suas relações entre contextos e pedagogias. Planejamento e avaliação do ensino: projetos inovadores de práticas educativas nos diferentes campos e níveis de ensino da Educação Musical.

Oficina Pedagógica I e II
Conteúdos didático-pedagógicos na iniciação musical envolvendo sensibilização e percepção sonora, caráter expressivo, forma, conscientização corporal e rítmica, integração de composição, performance e apreciação, alfabetização musical e otimização de material didático.

Princípios de Regência Coral I e II
Iniciação à técnica de regência coral, análise do texto literário e musical e sua interação com a interpretação, dinâmicas de ensaio. Esta disciplina supõe também um trabalho de leitura e solfejo musical.

Técnica Vocal
Estudo dos princípios de respiração, afinação, impostação e classificação vocal; estudo do processo de maturação vocal.

Seminários
Estudo de temas atuais pertinentes às ênfases do curso, sob a forma de palestras, workshops e conferências.

 

EDUCAÇÃO MUSICAL - BIBLIOGRAFIA:

ANDRÁSNÉ, József, e MAGDA, Szmrecsányi. Zenei Elöképzö Olvasókönyv (Az Állami Zeneiskolák Hivatalos Tananyaga). Editio Musica, Budapest, 1971. (partituras musicais para crianças)

ANDRÉ, M. E. e OLIVEIRA, Mª Rita (orgs). Alternativas do Ensino de Didática. Papirus Editora, São Paulo, 1997. 143 pp.

ARANHA, Mª Lúcia de Arruda. Filosofia da Educação. Editora Moderna, São Paulo, 1996. 254 pp.

CHOKSY, Lois et al. Teaching Music in the Twentieth Century. Prentice Hall. New Jersey, 1986.

CALDWELL, Timothy. A Dalcroze Perspective on Skills for Learning. Music Educators Journal. Reston, V. 79, Nº 7, march 1993. p. 27-28, 66.

CHAPUIS, Jacques. Die Musikalische und Instrumentale Vorbereitung Nach der Methode Edgar Willems. In:__ U. M. Vol. 5, 1985, p. 5321-5323.

CHOKSY, lois et . The Kodály Method - Comprehensive Music Education from Infant to Adult. Prentice Hall, New Jersey, 2º ed., 1988 (e 1974 - 2 cóp.).

DALCROZE, E. J. Rhytm, Music and Education. Tradução de Harol E. Rubinstein. Foetisch Eróres, Lausanne, 1980.

DEMO, Pedro. A Nova LDB – ranços e avanços. Papirus Editora, São Paulo, 1998. 7ª edição. 111 pp.

FRAZEE, Jane e KREUTER, Kent. Discovering Orff. A Curriculum for Music Corporation. New York, 1987. p.9-12; 20; 44-48; 220.

Fundamentos da Educação Musical. ABEM, série Fundamentos I e II, Porto Alegre, 1993 e 1994.

EÖSZE, László. Zoltan Kodály. In:__ The New Grove Dictionary of Music and Musicians. SADIE, Stanley (Ed.) MacMillan, London, 1985. Vol. X. p. 136-145.

GAINZA, Violeta H.. Estudos de Psicopedagogia Musical. Summus Editorial, São Paulo, 1988.

GRAETZER, Guillermo, e YEPES, Antônio. Guia para La Prática de "Música Para Niños" de Carl Orff. Ricordi, Buenos Aires, 1983.

HENTSCHKE, Liane. A Educação Musical: um Desafio Para a Educação. Educação em Revista. Fae/UFMG, Belo Horizonte, 1991, Nº 13. pp. 55-61.

KELER, Wilhelm. Introduction to Music for Children. Schott, Mainz, 1974.

KODÁLY, Zoltan. Ötfokú Zene I - 100 Magyar Népdal. Editio Musica, Budapest, 1945.

______________. Ötfokú Zene II - 100 Kis Induló. Editio Musica, Budapest, 1947.

______________. 333 Olvasógyakorlat 0 Bevezetö a Magyar Népzenébe (Kottás-Betüs Kiadas). Editio Musica, Budapest, 1947.

______________. Tricinia - 29 Progressive Three-part Songs (S.S.A. ou T.B.B.). Bossey e Hawkes Music Publishers ltda, U.S.A., 1964. p. 7-8.

______________. Énekeljünk Tisztán. Editio Musica, Budapest. 19

______________. Bicinia Hungarica I - 60 Progressive two-part songs. Boosey and Hawkes, U.S.A., 1962.

KÓRUA, Magvar. Gát - Kottaolvasás (Gyakorló Füzet). Editio Musica, Budapest. 1949/1950. (ritmo)

KRELLMANN, H. e HORTON, J. Carl Orff. In:__ SADIE, Stanley (ed.) The New Grove Dictionary of Music and Musicians. MacMillan, London, 1980, V. XIII. p.707-710.

MARTINS, Pura Lúcia Oliver. A Didática e as Contradições da Prática. Papirus Editora, São Paulo, 1998. 176 pp.

MARTINS, Raimundo. Educação Musical: Conceitos e Preconceitos. MEC/ FUNARTE, R. J., 1985.

__________________. Método e Avaliação: uma dialética de conhecimento musical. Fundamentos da Educação Musical 2. Associação Brasileira de Educação Musical, Porto Alegre, junho/94. p. 4-6.

MEAD, Virginia H. More then Mere Movement: Dalcroze Eurhythmics. Music Educators Journal. Reston, v.72, Nº 6, feb.1986. p. 42-46.

OLIVEIRA, Mª Rita (org.) Didática: Ruptura, Compromisso e Pesquisa. Papirus Editora, São Paulo, 1995141 pp.

ORFF, Carl. The Schulwerk. Trad. Margareth Murray. Schott Music Corp., New York, 1978. (Vol.3 of Carl Orff/ documentation, his life and works, an eight volume autobiography of Carl Orff).

PAYNTER, John. Sound and Structure. Cambridge University Press, Cambridge, 1992.

PAYNTER, John e ASTON, Peter. Sound and Silence - Classroom Projects in Creative Music. Cambridge University Press, Cambridge, 1970.

Pátio – revista pedagógica. Editora Artes Médicas Sul Ltda, Porto Alegre. Vol. 1, 2 3.

PENNA, Maura. O Desafio Necessário: por uma educação musical comprometida com a democratização no acesso a arte. Cadernos de Estudos: Educação Musical 4/5. Atravéz, São Paulo, Novembro/94.p.15-29.

_____________  Reavaliação e Buscas em Musicalização. Editôra Loyola, São Paulo

RAINBOW, Bernarr. The Kodály Concept and its Pedigree. British Journal of Music Education. Great Britain, vol.7, nº 3, 1990, p. 197-203.

______________. Reavaliações e Buscas em Musicalização. Edições loyola, São Paulo,1990.

SÁ, Gazzi Galvão de. Musicalização: método Gazzi de Sá. Os Seminários de Música Pro-Arte, Rio de Janeiro, Nº 6, 1990.

SANTOS, Regina Márcia Simão. A Natureza da Aprendizagem Musical e Suas Implicações Curriculares - Análise Comparativa de Quatro Métodos. Fundamentos da Educação Musical 2. Associação Brasileira de Educação Musical, Porto Alegre, junho/94. p. 7-112.

SALIBA, Konnie K. Accent on Orff - an introductory approach. Prenticel Hall, New Jersey, 1991.

SCHAFER, Murray. O Ouvido Pensante. Tradução de Marisa Fonterrada. Editora Unesp, São Paulo, 1991.

_______________.  Hacia una Educacion Sonora. Tradução de Violeta Hemsy de Gainza. Pedagogia Musicales Abiertas, Argentina, 1994.

______________. Argentinian Soudscapes. British Journal of Music Education. Cambridge University Press, Cambridge, vol. 12, Nº 2, July 1995. p.91-101.

SINOR, Jean. The Ideas of Kodály in America. Music Educators Journal. Reston, fb., 1986. p. 32-37.

SOUZA, Jusamara. Sobre as múltiplas formas de ler e escrever música. In: __ Ler e Escrever – Compromisso de todas as  áreas. Editora da Universidade/ UFRGS, Porto Alegre, 1998. Pp.205 –214.

SWANWICK, Keith. A Basis for Music Education. Routledge, London, 1992. 2º ed.

_______________. Music, Mind and Education. Routledge, London, 1988.

SZÖNYI, Erzsébet. A Zenei Írás-Olvasás - Gyakorló Füzetei. 1. Füzet. Editio Musica, Budapest, 1953.

________________. A Zenei ïrás-Olvasás - Gyakorló Füzetei. 2. Füzet, 31 -46. Leckéig. Editio Musica. Budapest, 1956.

________________. La Educación Musical en Hungria através del Método Kodály. Trad. Oriol Martorell. Editorial Corvina, Budapest, 1976.

WILLEMS, Edgar. As Bases Psicológicas da Educação Musical. Trad. ? Ed. Pró-Música, Bienne, Suíça, 1968.

________________. Os Batimentos e o Instinto Rítmico. Caderno Nº 4 B. Tradução de Antônio dos Santos Nunes. Distribuidos Valentim de Carvalho, Lisboa, 1987.

________________. Cadernos de Iniciação Musical das Crianças Nº 0. Trad. Olga Violante. Editora Pró-Musica, Bienne, Suíça, 1970.

________________. O Começo do solfejo. Caderno Nº 5. Trad. Antônio dos Santos Nunes. Distribuido Valentim de Carvalho, Lisboa, 1968.

________________. Educacion Musical 1 - Guia Didática Para El Maestro. Ricordi Americana, Buenos Aires, 1966.

________________. Educacion Musical 2 - Canciones de 2 a 5 notas. Ricordi Americana, Buenos Aires, 1966.

________________. Educacion Musical 3 - Canciones de Intervalos. Ricordi americana, Buenos Aires, 1966.

________________. Educacion Musical 4 - Canciones de Intervalos con Acompanãmento de Piano. Ricordi American, Buenos Aires, 1966.

________________. El Ritmo Musical, Estudio psicológico. Editorial Universitária de Buenos aires, Buenos Aires, 1979.

________________. La Preparacion Musical de Los Más Pequenos. Editorial Universitária de Buenos Aires, Buenos Aires, 1967.

________________. O Ritmo Musical e o Movimento Natural nos Cursos de Educação Musical. Trad. Antônio dos Santos Nunes. Distribuídos Valentim de Carvalho, Lisboa.

________________. El Valor Humano de la Educacion Musical. Ediciones Paidos, Barcelona, 1981.

WRIGHT, Simon. Villa-Lobos. Oxford Studies of Composers. Oxford University Press, Oxford, 1992.

VADJA, Cecilia. A Reply to Article by Bernarr Rainbow "The Kodály Concept and Its Pedigree. British Journal of Music Education. Great Britain, vol 8, nº 1, 1991, p. 73-76.

 

ÁREAS DA ESPECIALIZAÇÃO

A área de concentração é em Educação Musical

A área de concentração em Educação Musical visa atender profissionais que atuam nas áreas de educação, música ou artes e que desejam atualizar seus conhecimentos na área de ensino de música. No curso serão trabalhados princípios de Regência-Coral e de Técnica Vocal, Percepção Musical, exercícios de Apreciação ligados a propostas de Criação. Materiais pedagógicos serão desenvolvidos em oficinas específicas, a partir da discussão de textos dos principais educadores da atualidade. Criamos nesse reoferecimento a disciplina Iniciação à Pesquisa por entendermos que esse conteúdo não estava devidamente contemplado  em nossa grade curricular. A questão metodológica vinha sendo tratada nos Seminários e não nos parecia suficiente.A partir de agora essa disciplian cuidará especificamente da metodologia científica, visando auxiliar também a redação da monografia. Nossa proposta de reflexão mantem como de fundamental importância a adequação das estratégias pedagógicas ao real contexto de cada educador.         

Trabalhamos com os alunos essencialmente dentro de sala de aula. Não há atividades externas à Escola de Música. Tratam-se de disciplinas que trabalham a prática e a teoria de acordo com os seguintes eixos:

  • Formação básica em Regência Coral
  • Técnica Vocal
  • Desenvolvimento da capacidade de análise auditiva
  • Processos de criação musical
  • Oficinas pedagógicas com o desenvolvimento de atividades de musicalização
  • Estudo dos principais educadores da atualidade e de suas propostas metodológicas

 

 voltar ao topo

 

CRONOGRAMA DE HORÁRIOS

 

 voltar ao topo

 

MORADIA UNIVERSITÁRIA

A UFMG disponibiliza alojamento para alunos regularmente matriculados. São quitinetes (sl conjugada com coz., bh, microondas, geladeira, roupa de cama), porteiro 24 horas, sala de estudos e acesso a Internet. O custo (valor diário; semanal, quinzenal ou mensal) é inferior ao praticado no mercado.

Localização: próximo ao campus da UFMG – B. Ouro Preto (aproximadamente 20min da Escola de Música).
Reservas: pelos menos 30(trinta) dias de antecedência – Tel. (31)3498-7462/2573 - moradia@fump.ufmg.br.

voltar ao topo

 

FORMULÁRIOS

 

voltar ao topo

 

TRABALHO FINAL

O Trabalho Final do Curso de Especialização em Música com área de concentração em Educação Musical será elaborado individualmente em formatos distintos, à escolha do aluno:

I) Projeto Pedagógico: consistirá de um Material Pedagógico diretamente aplicável numa situação de ensino. Deverá ser composto de Contextualização, Referencial Teórico e o Material Pedagógico propriamente dito. Esse material poderá ser apresentado sobre qualquer suporte (partituras, jogos, análises, propostas de exercícios de criação, etc.). No que se refere ao volume do Trabalho Final, a Contextualização e o Referencial Teórico deverão somar entre 2.000 e 4.000 palavras (10 a 20 páginas). O Material Pedagógico propriamente dito, pela flexibilidade admitida pelo suporte, deverá ser avaliado pelo orientador e seu volume deverá ser definido em função desta avaliação;

II) Monografia: trabalho de caráter teórico, nos moldes científicos, com extensão entre 15.000 e 25.000 palavras (30 a 50 páginas).

Prazo de entrega do Trabalho Final

O aluno após ter sido aprovado em todas as disciplinas entregará o Trabalho individual Final a partir do mês de agosto do ano de conclusão até, no máximo, 15/01 do ano seguinte.
O aluno que houver concluído um mínimo de 12 (doze) créditos estará apto a iniciar a preparação do Trabalho Final do Curso, sob assistência de um orientador.
O Trabalho Final em todas as áreas de concentração deverá ser avaliado por uma Comissão Examinadora, formada pelo orientador e pelo menos mais dois professores pertencentes ao corpo docente do curso.

O orientador poderá solicitar à Comissão Coordenadora a inclusão de membro externo ao corpo docente do Curso para a avaliação do Trabalho Final do seu orientando.
O professor externo ao corpo docente do curso, para poder participar da Comissão de Avaliação de Trabalho Final deverá ser portador no mínimo do grau de Especialista.

Será considerado aprovado na avaliação do Trabalho Final o candidato que obtiver a aprovação unânime da Comissão Examinadora com nota mínima de 75,0 (C).

  voltar ao topo 

 

PROCESSO DE SELEÇÃO

1) Avaliação de conhecimento musicais:
- dissertar sobre elementos musicais percebidos em uma peça ou trecho de peça ouvido;
- elaborar proposta de atividade de musicalização de acordo com diretrizes estabelecidas no momento da prova.

2) Análise de currículo

3) Entrevista

4) Carta de Apresentação:
- descreva sua trajetória enquanto educador;
- comente criticamente sua formação musical;
- fale de seu principal interesse no curso.
(o texto deve ter no máximo 3(três) páginas).

voltar ao topo

 

CONTATO

espec@musica.ufmg.br

COMUNICADO
Comunicamos que a partir do dia 05 DE OUTUBRO DE 2010 a Secretaria do curso de Especialização atenderá na Secretaria do CMI-Centro de Musicalização Infantil no horário de 10 às 17h - ininterruptas.
Telefone: (31) 3409-6503

voltar ao topo

 

INFORMAÇÕES DA SECRETARIA

Matrículas

O aluno deverá matricular-se na FUNDEP e na UFMG.

Matrícula na FUNDEP
O aluno deverá comparecer nos Postos da FUNDEP dentro do período informado no Edital.
A efetivação da matrícula na FUNDEP está condicionada ao pagamento da 1ª. (primeira) parcela.

Locais:
Posto Conservatório de Música da UFMG
Av. Afonso Pena, 1534 – Centro – BH/MG – Cep 30130-005
Tel. (31) 3218-9300

Posto Praça de Serviços
Av. Antônio Carlos, 6627 – loja 07 – BH/MG – Cep: 31270-901
Tel. (31)3409-4220

Matrícula na UFMG

Após a efetiva matrícula na FUNDEP e o pagamento da contribuição ao Fundo de Bolsa da Fundação Mendes Pimentel/UFMG o aluno estará automaticamente matriculado na UFMG.

O número da matrícula do aluno será informado através do seu e-mail e/ou tel. (31) 3409-4703 de 09 às 14H.

O pagamento da contribuição ao Fundo de Bolsas poderá ser emitido através do “site” www.ufmg.br/prpg e/ou www.ufmg.br/drca

voltar ao topo

 

CURSO OFERECIDO NAS FÉRIAS

O curso está dividido em 4 módulos oferecidos sempre nos períodos de férias escolares -  quinze dias intensivos nos meses de janeiro e julho, perfazendo uma carga-horária total de 360 h/a em dois anos. Cada módulo comporta uma média de 90 h/a (de segunda a sexta feira entre 8:00 e 18:00)

 voltar ao topo

 

MATRÍCULA - ALUNOS TURMA 2008-E

Você deverá fazer o pagamento da contribuição ao Fundo de Bolsas para, posteriormente, a Secretaria da Pós-Graduação efetuar a sua matrícula na UFMG, exceto, para os alunos isentos pela FUMP(Fundação Mendes Pimentel).

Para emissão do boleto para pagamento da contribuição ao Fundo de Bolsas siga o passo-a-passo:

- na página principal consulte no rodapé - DRCA;
- clique em DRCA (Departamento de Registro Acadêmico) contribuição ao Fundo de Bolsas da Pós-Graduação;
- informe o no. de matrícula (consta na relação abaixo);
- marque o semestre - 2008-1;
- existem duas taxas opcionais - D.A. (Departamento Acadêmico da Escola de Música) e
DCE ( taxa para aquisição da carteira de estudante) - desmarquem uma ou as duas caso não interessem.

voltar ao topo